A Terra dos Meninos Pelados
de Graciliano Ramos


Baseado no conto de Graciliano Ramos, o espetáculo conta a história de Raimundo, um menino diferente de todos os outros por ter um olho preto, o outro azul e a cabeça pelada. Cansado de não ter com quem conversar, Raimundo parte para uma viagem a Tatipirun, uma terra onde todos os meninos são como ele. Lá encontra personagens como a Aranha, a Laranjeira e a Caralâmpia, uma menina que virou princesa. Raimundo realiza essa jornada, que de certa maneira representa seu crescimento e amadurecimento, e retorna a seu lugar de origem compreendendo melhor a importância de valores como a tolerância e a amizade.

O espetáculo tem duas partes distintas. Na primeira o grupo se apresenta, anuncia o espetáculo, introduz o público no universo literário de Graciliano Ramos, principalmente em sua vertente infantil, e executa algumas canções folclóricas, com arranjos de Heitor Villa-Lobos, ao vivo, com o acompanhamento de flauta transversal e violão. Essas canções aparecerão depois na segunda parte, em versões instrumentais como música incidental. A segunda parte é um espetáculo de teatro de bonecos. São utilizadas várias técnicas de manipulação: direta, com vara e com mecanismos. A adaptação do texto teatral é totalmente fiel ao texto original de Graciliano Ramos: os personagens e narradores dizem exatamente as palavras impressas.

O espetáculo tem aproximadamente 40min de duração e é recomendado para crianças a partir de quatro anos.



Ficha Técnica

Concepção/Direção/Atuação
Marcelo e Paula Zurawski

Trilha Sonora
Marcelo Zurawski

Figurinos
Amarílis Arruda

Cenografia e Bonecos
Sérgio Serrano e Naná Lavander




Voltar